Acompanhe nas
redes sociais:
Facebook Instagram

Notícias

13/07/2020 08h00

Durante a pandemia da COVID-19, acometidos pelo câncer podem não ter descoberto a doença na fase inicial

Entretanto, a expectativa é de que os acometidos por câncer, devidamente cuidados, estejam melhor protegidos da COVID-19

Veja Saúde

De 50 a 90 mil brasileiros podem ter deixado de fazer a biópsia nos dois primeiros meses da pandemia do novo Coronavírus no nosso país. A informação foi divulgada em junho pela Veja Saúde e sugere a expectativa de que aumente, no Brasil, o quantitativo de pessoas com a doença agravada ou, na pior das hipóteses, de óbitos.

Dados da Inglaterra sugerem que o país enfrentará um aumento de 20% nas mortes por tumores, entre outras coisas, por uma redução nos diagnósticos e nos agendamentos de quimioterapia. Segundo médicos especialistas, os casos de câncer que não foram diagnosticados no início seguem avançando, o que poderá resultar em enfermos com quadros clínicos mais sérios e em maior número.

Para o Cirurgião Oncológico Gustavo Guimarães, diretor do Instituto de Urologia, Oncologia e Cirurgia Robótico (SP), a liberação emergencial da telemedicina ajudou bastante, mas não resolveu alguns empecilhos, principalmente entre quem não tem acesso a esse recurso.

Entretanto, não há somente más notícias. A estimativa dos pesquisadores é de que os acometidos por câncer, devidamente cuidados durante o período da pandemia, estejam melhor protegidos da COVID-19. Sendo assim, a Oncoclínica reforça a importância de não interromper o tratamento e de ânimo durante toda a fase que será superada.

Oncoclínica | Centro de Tratamento Oncológico

Endereço:

Rua José Freire Moura, nº 45

Ponta Verde - Maceió-AL

 

Telefones

82 3231-5754 / 3327-4659

 

Horário de Funcionamento

Segunda a Sexta: 9h às 18h

 

Dra. Patrícia de Araújo Amorim

Diretora Técnica Médica

CRM/AL 2710 / RQE 1109

© Copyright 2020. Oncoclínica Maceió.
Todos os direitos reservados